18.5 C
Brasília
sábado, maio 25, 2024

ANUNCIE

Assassinato de Rhuan causa comoção na CLDF

O crime brutal que vitimou o menino Rhuan despertou indignação em alguns deputados distritais. O menino foi assassinado pela própria mãe, Rosana Auri da Silva Candido, e pela companheira dela, Kacyla Priscyla Santiago Damasceno, em Samambaia, região administrativa (bairro) de Brasília-DF. Um ano antes de ser brutalmente morto, Rhuan teve o pênis amputado em uma cirurgia caseira.

Os deputados Fábio Felix e Delmasso (PRB) repudiaram veementemente o crime. Delmasso pediu apoio para realização de uma passeata em Samambaia, em repúdio contra o crime. Ele também anunciou que apresentará um projeto criando o prêmio menino Rhuan para reconhecer projetos de combate à violência contra crianças e adolescentes.

A deputada Julia Lucy (Novo)(foto) também abordou o tema e sugeriu um debate sobre as eleições para os conselhos tutelares. Segundo ela, os conselhos precisam contar com quadros mais bem preparados para atuar no combate a violação de direitos. Ela também apresentou um requerimento para realizar, no dia 15 de agosto, às 19 horas, uma homenagem ao menino e discutir as eleições dos conselheiros tutelares.

(Com CLDF/Foto: Carlos Gandra)

relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Fique conectado

667FãsCurtir
756SeguidoresSeguir
338SeguidoresSeguir
- Publicidade -spot_img

Últimos artigos