25.5 C
Brasília
terça-feira, junho 25, 2024

ANUNCIE

Minas amplia produção de uvas para vinhos finos

O cultivo de uvas para produção de vinhos finos está em expansão no Estado de Minas Gerais. De acordo com levantamento da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural de Minas Gerais (Emater-MG), desde a safra de 2022, a colheita ultrapassa o volume de duas mil toneladas da fruta por ano.

A produção de vinhos finos em Minas é feita basicamente com o uso de variedades de uvas importadas, como Syrah, Sauvignon Blanc, Chardonnay, Cabernet Sauvignon e Merlot. Embora a atividade seja considerada novidade para muita gente, Minas Gerais já conta com pelo menos 58 vinícolas.

Para 2024, a produção deverá ser de aproximadamente 2,5 mil toneladas, a maior já registrada nos últimos dez anos. A área plantada em Minas é de 403 hectares, sendo que 66,5% já estão produzindo. Os municípios com maior produção de uva destinada aos vinhos finos são: São Gonçalo do Sapucaí, Caldas e Andradas, todos na região Sul.

Prêmios

Alguns desses empreendimentos vêm conquistando prêmios nacionais e internacionais, um reconhecimento da qualidade da bebida. É o caso da vinícola Maria Maria, em Boa Esperança, no Sul do estado. Entre várias premiações, ela recebeu uma medalha de prata e outra de bronze, este ano, no concurso britânico International Wine Challenge, um dos mais renomados do mundo.

A vinícola Estrada Real, em Caldas, também no Sul de Minas, é outra que acumula prêmios. Entre eles, o de melhor vinho Syrah brasileiro na Wines of Brazil Awards de 2020.

Vinhos de inverno

De acordo com o coordenador de Fruticultura da Emater-MG, Deny Sanábio, a produção de vinhos finos em Minas Gerais se diferencia do Sul do país porque é possível colher a uva durante o inverno em condições ideais para fabricar a bebida.

“Temos um inverno seco, com amplitude térmica acentuada entre o dia e a noite. Um clima que se assemelha ao do período da colheita da uva na França, grande produtora de vinho”, explica Deny Sanábio.

Outro fator fundamental para a produção do vinho de inverno em Minas é a técnica da dupla poda. O método, trazido da Europa, foi adaptado pela Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig).

relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Fique conectado

667FãsCurtir
756SeguidoresSeguir
338SeguidoresSeguir
- Publicidade -spot_img

Últimos artigos