21.5 C
Brasília
sábado, abril 20, 2024

ANUNCIE

Brasília explode em flores e cores

Que Brasília é uma cidade-parque, todo mundo sabe. Só no Plano Piloto, são 1,5 milhões de árvores plantadas que proporcionam beleza única à capital, garantem sombra para amenizar o calor do Cerrado e, nas superquadras, funcionam como barreira para o barulho que vem do comércio. O que poucos conhecem é que há um calendário de árvores que florem durante o ano todo em Brasília-DF, que poderiam dar mais um título para a capital federal: a de cidade-jardim (vídeo no final da reportagem).

Desde a inauguração de Brasília, a Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap) faz um projeto de arborização anual que garante o plantio de diferentes espécies pelas ruas do Plano Piloto e das regiões administrativas (bairros). Ipê, cambuí, paineira, flamboyant, jequitibá, jacarandá, quaresmeira e sapucaia são apenas algumas das árvores que colorem as ruas da cidade de amarelo, rosa, vermelho, branco e até azul de janeiro a dezembro. “Brasília tem flores o ano todo”, explica o diretor do Departamento de Parques e Jardins da Novacap, Raimundo Silva. “Todas as espécies produzem flores. Algumas passam despercebidas; outras, não”.

O ano começa com a florada amarelo-alaranjada do Cambuí. Foto: Tony Winston / Agência Brasília

O ano começa com a florada amarelo-alaranjada do cambuí, em janeiro. São cerca de 350 mil árvores do tipo espalhadas por Brasília, com maior concentração às margens da Estrada Parque Indústria e Abastecimento (Epia), na altura do Setor de Oficinas Norte (SOF Norte), próximo à Vila Planalto, na via L4 Norte, e em frente ao Quartel General do Exército.

De fevereiro a junho, as tonalidades de cor-de-rosa, mais clara, ou mais escura, recobrem as cerca de 150 mil paineiras plantadas em todas as regiões administrativas. A espécie também é chamada de barriguda, por causa das saliências da casca do seu caule.

Em abril, o lilás e o roxo das quaresmeiras colorem as ruas da capital. Essas árvores se destacam principalmente em frente à SQS 114, nas adjacências do Centro de Atividades (CA) do Lago Norte e próximo à Praça das Fontes, no Parque da Cidade.

Em junho, começa a temporada dos ipês, as árvores mais conhecidas dos brasilienses. “As flores dos ipês são um cartão-postal de Brasília”, resume Raimundo.

Selfies

Atualmente, a cidade começa a ficar colorida de roxo, com flores que permanecem firmes até setembro, mas o arco-íris começa a se formar em julho, quando entram em floração os ipês-amarelos. Depois vem o ipê-rosa – tonalidade um pouco mais clara que o roxo –, o branco e o verde. “Até outubro temos ipês florindo”, informa o diretor do Departamento de Parques e Jardins da Novacap. Dependendo do clima, as espécies podem florir até duas vezes por ano.

Toda Brasília tem em torno de 600 mil ipês, com maior concentração no Plano Piloto, mas essas árvores também estão presentes na maioria das regiões administrativas. Embelezam o percurso dos motoristas que trafegam diariamente pelo Eixão Norte e Sul. Projetam sua beleza de longe, podendo ser avistadas nas quadras 404 e 216 da Asa Norte, na tesourinha da 114 Sul e na altura do Sesc da 504 Sul.

A secretária Bruna Aparecida (foto), 28 anos, se diz apaixonada por uma alameda de ipês localizada na na frente da quadra 4 do Setor de Autarquias Sul. Funcionária da Receita Federal, que fica na quadra 3, ela passa todos os dias pelo local. Resultado: as flores são as grandes estrelas das suas redes sociais nesta época do ano. “E o bom é que eles vão mudando de cor”, valoriza a jovem. “É a época em que Brasília fica mais bonita.”

Raimundo Silva  lembra ainda o fascínio que os ipês exercem nos turistas, que pedem mudas para levar para casa. “Agora mesmo recebemos a ligação de um turista pedindo a doação de uma muda de ipê porque ele ficou impressionado com a beleza da cidade”, conta. De acordo com a programação de plantio da Novacap, Brasília vai receber mais 150 mil mudas de todas as espécies neste ano, sendo 25 mil de ipês.

Em outubro, o vermelho-alaranjado das flores do flamboyant enfeita as ruas de Brasília  / Foto: Gabriel Jabour/Agência Brasília

Outra atração que compõe o cartão-postal da cidade são os flamboyants, que começam a ficar floridos com o fim da seca, em outubro. A floração vai até dezembro. São apenas oito mil árvores dessa espécie no Plano Piloto, mas a coloração alaranjada e vermelha das flores destaca a copa na paisagem da capital.

As principais espécies podem ser vistas no canteiro leste do Eixão Sul (em frente às superquadras 209, 210 e 211), em frente ao Tribunal de Justiça do DF (TJDFT), no Eixo Monumental (em frente à Praça do Buriti), no canteiro central da Estrada Parque Dom Bosco e no Lago Sul, e ainda em regiões administrativas, como Brazlândia, Sobradinho, Planaltina, Gama e Taguatinga.

Assista ao vídeo que detalha o calendário de flores de Brasília:

 

(Foto: Lúcio Bernardo Jr /Agência Brasília)

relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Fique conectado

667FãsCurtir
756SeguidoresSeguir
338SeguidoresSeguir
- Publicidade -spot_img

Últimos artigos